No Chile, condores envenenados caem do céu

Por Thiago Munhoz

Nem os símbolos nacionais escapam do risco da extinção. Chilenos que passavam pelos arredores da estrada que liga o Chile à Argentina, nas proximidades da cidade Los Andes, observaram na semana passada uma cena que não se vê todos os dias: condores sobrevoando áreas a poucos metros do chão, chegando alguns a caírem em solo ou em lagos. Logo autoridades ambientais foram chamadas e capturaram os animais a fim de encaminha-los a centros veterinários e analisarem suas saúdes. Ao todo foram encontrados 17 condores doentes, dois mortos e mais duas raposas mortas, todos com sintomas de envenenamento. Há a suspeita de que produtos agrícolas tipo organofosforados (utilizados como inseticida) estivessem impregnados em carcaças de animais e ao serem ingeridas pelos condores provocaram tais resultados.
Esse fato pode parecer apenas uma fatalidade para alguns, mas pode significar muito mais que isso. Para começar representa um risco de extinção a uma espécie, alias uma das maiores de ave do mundo chegando a ter 3,5 de envergadura, o que gerará um desequilíbrio ambiental gigantesco, uma vez que os condores são aqueles que eliminam as carcaças, muitas vezes adoentadas, de animais do ecossistema. Muito mais que isso, representa o fim de uma identidade nacional dos países andinos em detrimento das formas agressivas de produção e obtenção de renda.

Anúncios

Uma resposta para “No Chile, condores envenenados caem do céu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s