Único jeito de gostar de um Bad Motherfucker

Por Guilherme Molledo, Isabella Menon e Olivia Burnier

Juntando suas duas paixões: gastronomia e o renomado diretor de cinema Quentin Tarantino, Renato Vergas teve a ideia de abrir uma hamburgueria chamada Big Kahuna. O nome da lanchonete faz referência a um fast food americano apresentado

???????????????????????????????

 em uma das cenas de Pulp Fiction (Tempos de violência). E não é só o nome, toda a decoração do restaurante é dedicada a cenas e frases de Pulp Fiction e outros filmes de Tarantino. De acordo com Renato, o tema era pra ser um atrativo,  mas que o que realmente faria com que o cliente se “filiasse” ao restaurante seria a qualidade da comida, e de fato é! O principal prato da casa é o Bad Motherfucker, que ficou famoso pelo tamanho enorme. O lanche é composto por 2 hamburgers, queijo cheddar, 2 fatias de tomate caquí, alface, 4 fatias de bacon, pepino cebola e 3 fartos anéis de onion rings. Inaugurada em fevereiro, fez sucesso em questão de semanas e hoje são vendidos aos finais de semana mais de 100 Bad Motherfuckers. Além de hambugueres, Big Kahuna também serve pratos executivos no horário do almoço durante a semana. A casa está localizada no Jardim Paulista, Rua Alameda Lorena, 53. Vale a pena conferir, e tentar encarar um Bad Motherfucker!

002

Anúncios

Uma resposta para “Único jeito de gostar de um Bad Motherfucker

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s