Mais letras para São Paulo

Pauliceia

Paulicéia Literária, o novo nome do circuito literário paulistano, teve sua primeira edição entre os dias 19 e 22 de setembro. O festival internacional de literatura é uma realização da AASP (Associação dos Advogados de São Paulo) para comemorar seu aniversário de 70 anos. Com o apoio do Centro Cultural Banco do Brasil e da Livraria Cultura,  a Pauliceia trouxe debates sobre diversos assuntos ligados à literatura. De cinema à poesia, o festival teve também oficinas e grupos de leitura.

A homenageada desta edição foi a escritora e roteirista Patrícia Melo, vencedora do Prêmio Jabuti de Literatura em 2001, pelo livro Inferno e autora de outros sucessos, como O Ladrão de Cadáveres. Um dos escritores mais aguardados da Pauliceia foi o autor carioca Laurentino Gomes, conhecido pela trilogia sobre a História do Brasil, 1808, 1822 e o aguardado 1889.

pauliceia_200913_mesa04-081

Outra mesa imperdível uniu dois autores de destaque no Brasil: o mexicano Juan Pablo Villalobos, autor do brilhante romance de estreia Festa no Covil, e o angolano valter hugo mãe. Os dois debateram questões de narrativa e linguagem na mesa intitulada O Apocalipse das Vacas e nada foi mais justo do que o comentário de Vanessa Ferrari, editora da Companhia das Letras e mediadora: “é muito raro que o primeiro livro seja um sucesso”. E os dois escritores, logo de cara, mostraram para que vieram, emplacando verdadeiros sucessos editoriais e de críticas. valter hugo mãe surpreendeu ainda com seu discurso notavelmente feminista sobre a necessidade de libertação da mulher, ao mencionar as figuras femininas de O Remorso de Baltazar Serapião – o mesmo livro que deu a ele a alcunha de “escritor transexual”, por retratar tão bem a alma feminina e os desafios a ela relacionados, mesmo sendo homem.

pauliceia_210913_mesa08-191

Lygia Fagundes Telles, na AASP.

A maior surpresa do evento foi a chegada de Lygia Fagundes Telles, na mesa que levava seu nome e discutia o papel da mulher na literatura. Ovacionada e recepcionada calorosamente, Lygia tornou-se o centro das atenções na mesa com Luiza Nagib, Ana Maria Machado e Beatriz Bracher. Beatriz chegou a dizer o que realmente pensa da autora de As Meninas, em alto e bom som, “é a maior escritora brasileira de todos os tempos”. Com as histórias de Lygia sendo contadas no palco, ficou clara a emoção da autora em partilhar esse momento com o público, aos 90 anos de idade. Para quem conhece Lygia e já viu outras entrevistas da escritora, as histórias repetiram-se – e, ainda assim, o encanto com cada um dos relatos só aumentou, deixando a plateia em êxtase.

Outra mesa que surpreendeu foi a Pauliceia Estilhaçada, sobre livros que têm como cenário a cidade de São Paulo, e reuniu Tony Bellotto (que além de músico, é autor pela Companhia das Letras), Marçal Aquino e Maria José Silveira.

pauliceia_210913_oficina-009-1

Oficina com Richard Skinner.

Entre as oficinas oferecidas, a de escrita em inglês, com Richard Skinner, da Faber Academy, foi destaque. Especializado em cursos voltados para o aperfeiçoamento de escritores, Skinner não decepcionou. Esclareceu que não “cria um escritor do nada”, e as estratégias para que um escritor em potencial amadureça mais rápido. Scott Turow, outro convidado da Pauliceia e autor de livros como Acima de Qualquer Suspeita, confirma que a mentalidade de “ensinar a escrever” é muito comum também nos EUA.

Para os apaixonados por literatura, a Pauliceia foi um verdadeiro espetáculo. Mais um evento literário para o circuito paulistano que promete crescer muito, com grandes nomes da literatura e debates notáveis. A Pauliceia prometeu muito – e cumpriu.

996607_10200546869380566_876028953_n

Quindins, os doces oficiais da Pauliceia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s