O tom político na Feira de Frankfurt

frankfurt3

Painel na Feira de Frankfurt

A Feira de Frankfurt foi marcada por discursos polêmicos. As falas de Luiz Ruffato e Paulo Lins, que retrataram as contradições e problemas do Brasil em uma feira cujo fim era trazer mais divulgação à literatura do país geraram reações diversas em veículos de comunicação e personalidades de destaque, em nível nacional e internacional.

Ziraldo afirmou que Ruffato, autor do discurso de abertura, não deveria ser aplaudido, e gritou em plena cerimônia “que se mude do Brasil, então”. “Eu achava que o Brasil era um país alegre, mas ontem ouvi o Paulo Lins dizer que vocês são tristes. Vocês são alegres ou tristes?”, perguntou uma jornalista estrangeira para Ricardo Lessa, diretor da Biblioteca Nacional, logo após o encerramento da feira. Alguns escritores fizeram coro aos discursos políticos, destacando que o tom ufanista deveria ser evitado, mesmo durante tal evento, chance para divulgação da produção literária brasileira.

frankfurt

Exposições e protestos em Frankfurt

As polêmicas começaram antes mesmo do início do evento, com o cancelamento da participação de Paulo Coelho, um dos escritores brasileiros mais populares no exterior. Segundo o autor, em entrevista ao jornal alemão Die Welt, uma parte importante da cena literária do Brasil havia sido ignorada – entre os nomes citados, estão Felipe Neto, do canal do Youtube Não Faz Sentido e Thalita Rebouças, um dos destaques da literatura teen. Além disso, os organizadores da feira foram acusados de racismo por outras personalidades, por haver apenas um escritor negro na delegação brasileira, o autor Paulo Lins. Os comentários foram rebatidos com o argumento de que os nomes indicados foram escolhidos com base no “mercado editorial nacional e internacional”.

Outro destaque foi o abaixo-assinado organizado pelos autores presentes, contra a violência policial e a favor das reivindicações dos professores em greve. Ao que parece, as movimentações políticas que ganharam espaço na mídia desde as Jornadas de Junho chegaram a Frankfurt com tom enérgico.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s