Relembrar é viver

Por Alan Felipe, Bruno Cavalcanti, Bruno Oliveira e Marcus Rönn

Quem ai não gostaria de comandar um Corinthians, um São Paulo ou, até mesmo, uma modesta Portuguesa Santista? Pois é, todo apaixonado pelo bom futebol sempre sonhou em conduzir times tão importantes como esses.

Mas talvez, a compra de equipes esportivas profissionais seja mesmo apenas para bilionários. Dizemos isso porque, infelizmente, o MTDF (Meu Time De Futebol), um grupo de associados que almejava juntar uma grande quantidade de internautas para comprar a sua própria equipe de futebol e administrar todas as áreas do time, acabou fracassando recentemente.

Equipe do "Meu Time de Futebol" (Fonte: site oficial do MTDF)

Equipe do “Meu Time de Futebol” (Fonte: site oficial do MTDF)

Eles, que se autoproclamavam ‘a maior revolução do futebol brasileiro’ passaram para a frustração esportiva em pouquíssimo tempo. O idealizador do projeto Vicente di Cunto conseguiu cadastrar 104.621 amantes do futebol, que por meio de uma eleição escolheram o tradicionalíssimo Juventus da Mooca como clube coletivo. Porém, os Moleques Travessos não aceitaram que internautas comandassem a equipe. De acordo com Cunto, a torcida juventina, que por sinal é uma das mais fieis de São Paulo, se colocou fortemente contra as inovações propostas pelo grupo.

O projeto de comandar o time da Mooca ficou fora de questão e o dinheiro de poucos membros (apenas 0,5% abriu mão para participar da ‘vaquinha’), fez com que o organizador do MTDF procurasse outro parceiro. Pra não perder o sonho, di Cunto foi atrás de outros colaboradores.

Foi neste cenário que apareceu o empresário cearense Aguiar Jr., que ajudou a fechar com o Maguary, tradicional time do Ceará e quatro vezes campeão da primeira divisão do campeonato regional. Assim, o projeto continuou de maneira participativa, entretanto, sem as votações iniciais. Os internautas do programa se propuseram a ajudar a equipe e deram sugestões interessantes, como por exemplo, a contratação de Túlio Maravilha, atacante com mais de 900 gols na carreira. Porém, por falta de patrocínio e, principalmente, dinheiro, o jogador não foi contratado pelo ‘Clube dos Príncipes’, como é carinhosamente apelidada a equipe cearense.

Sport Club Maguary. (Fonte: blog oficial da equipe)

Sport Club Maguary  (Fonte: blog oficial da equipe)

Em meio a altos e baixos, o projeto acabou não vingando e deixou de existir no ano de 2011. Sem renovações e sem novas anuidades, o MTDF acabou. Mesmo sem parceria, o Maguary permanece vivo e está na Série C do Campeonato Cearense, administrado por Aguiar Jr., que ainda torce para o sucesso do projeto. Ele tem certeza que o clube vai conseguir cada vez mais investidores caso o time suba à série A.

Esperamos então que isso também possa acontecer!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s